Semana passada, nos surpreendemos (ou não) com o fato de que os benchmarks dos novos iPads Pro, em uma série de aspectos, quase se equiparam — e, em uma ou outra medida, até superam — aos dos novos MacBooks Pro.

Agora, entretanto, já surgiram na internet as medições da performance dos novos iMacs. Como era de se esperar, os modelos tudo-em-um da Apple são um tipo de besta totalmente diferente: em muitos aspectos, eles são superiores até mesmo ao Mac Pro — que, apesar de já ser um idoso para os padrões da computação, ainda representa o que há de mais potente e profissional na linha da Maçã. Por fim, spoiler: os maiores ganhos dos novos iMacs não estão no quesito processamento, e sim na parte dos gráficos.

Vamos dar uma olhada mais detalhada nos gráficos abaixo.

Medição de CPU (núcleo único)

Benchmarks dos novos iMacs de 2017

Os novos modelos do iMac ganharam cerca de 9% de poder de processamento por núcleo em relação aos seus antecessores; se a medida de comparação forem os modelos de 2014, este salto chega na casa dos 20%. E fiquem tristes pelo Mac Pro, relegado ao final da lista — compreensível, considerando que estamos falando de processadores com quatro anos de idade, mas nem por isso aceitável. Apple, anda logo.

Medição de CPU (múltiplos núcleos)

Benchmarks dos novos iMacs de 2017

Neste caso, não tem muito como competir: os Macs Pro ainda superam os iMacs em números brutos, pelo simples motivo de oferecerem processadores com 6, 8 ou 12 núcleos, enquanto os modelos tudo-em-um só vão até os 4 núcleos de processamento. Ainda assim, é impressionante notar como o iMac topo-de-linha supera o Mac Pro com dois núcleos a mais. No geral, a performance multi-core dos novos iMac é 15% superior ao dos modelos equivalentes anteriores.

Medição de GPU

Benchmarks dos novos iMacs de 2017

Aqui mora grande parte da evolução dos novos iMacs: em média, os novos computadores apresentam processamento gráfico 80% superior em relação aos modelos anteriores. Notem que até mesmo o mais barato dos novos iMacs, com a AMD Radeon Pro 570, supera o modelo topo-de-linha da geração anterior, com a Radeon R9 M395X.

·   •   ·

Agora só nos resta aguardar para ver os números da besta-fera que (provavelmente) será o iMac Pro.

Por

Fonte: www.macmagazine.com.br